Dr. Igor Padovesi - Especialista em Obstretrícia e Ginecologia
(11) 4253-2523
YouTube Instagram Dr. Igor Padovesi Facebook LinkedIn Dr. Igor Padovesi
Corrimentos

Corrimentos

As vulvovaginites, chamadas popularmente de "corrimentos" vaginais, são queixas muito frequentes no consultório do ginecologista.

Toda mulher apresenta conteúdo vaginal, pois a vagina é revestida por uma mucosa úmida (assim como a boca e os olhos). Existe uma variação das características da secreção vaginal durante o ciclo menstrual, e algumas situações, como a gravidez, levam a um aumento natural da produção das glândulas locais.

A diferença entre o conteúdo vaginal fisiológico e os "corrimentos" está na alteração da cor, do odor, da quantidade e a presença de sintomas irritativos como ardência ou coceira, dor na relação sexual e ardência ao urinar.

Na maioria das vezes os "corrimentos" são facilmente diagnosticados e tratados, apenas com o exame ginecológico e medicações simples. A candidíase e a vaginose bacteriana são, de longe, as mais frequentemente encontradas.

No entanto, algumas mulheres apresentam corrimentos de forma recorrente, o que chamamos de vulvovaginites de repetição. Esses casos são muitas vezes subdiagnosticados e tratados erroneamente - um exemplo clássico é a vaginite citolítica, equivocadamente tratada como candidíase de repetição (e por isso nunca melhora!).

Para esses casos, é fundamental uma avaliação detalhada do quadro clínico, exame ginecológico minucioso e a coleta de determinados exames do conteúdo vaginal, para fazer o diagnóstico correto e instituir um tratamento definitivo.



ESPECIALIDADES

+ Especialidades Médicas

Infecções Urinárias

Problema comum da mulher

As infecções de urina costumam ser de fácil resolução. Mas as infecções recorrentes exigem avaliação e tratamento especializado.

Saiba mais

Candidíase

Corrimento mais comum

Apesar de ser muito comum, algumas mulheres podem ter quadros de difícil resolução. E nem tudo que parece candidíase, realmente é.

Saiba mais

HPV

Verrugas e câncer de colo

O HPV pode estar presente e não causar nenhum problema, mas também pode originar verrugas genitais e causar o câncer de colo uterino.

Saiba mais
Subir