Dr. Igor Padovesi - Especialista em Obstretrícia e Ginecologia
YouTube Instagram Dr. Igor Padovesi
Tratamentos que trazem pouco ou nenhum benefício à saúde

Tratamentos que trazem pouco ou nenhum benefício à saúde

A Academy of Medical Royal Colleges, que reúne 21 instituições de ensino de medicina do Reino Unido, lançou uma série de conselhos que visam diminuir a ocorrência de procedimentos médicos desnecessários. A instituição também recomendou aos pacientes que questionem mais os seus médicos sobre os tratamentos e exames indicados.

Esta ação faz parte da campanha “Choosing Wisely”, e tem como proposta diminuir gastos médicos desnecessários, estimular o diálogo entre médicos e pacientes e contribuir para tratamentos mais assertivos.

Os conselhos indicados incluem: 

  • A água limpa em machucados e cortes é tão boa quanto o soro fisiológico;
  • Pequenas fraturas no pulso em crianças normalmente não exigem o uso de gesso e se regeneram tão rapidamente quanto se for aplicada uma tala;
  • Crianças com bronquite ou problemas de respiração normalmente melhoram sem qualquer tratamento;
  • Só há necessidade de monitorar eletronicamente o coração de um bebê durante o parto se a mãe tiver um risco acima da média de complicações;
  • A quimioterapia pode ser usada para aliviar os sintomas de um câncer terminal, mas não cura a doença e pode gerar transtornos adicionais nos últimos meses de vida;
  •  Exames de rotina da próstata que usam um teste conhecido como Antígeno Prostático Específico (PSA, na sigla em inglês) não levam a uma vida mais longa e podem gerar ansiedade desnecessária

Além disso, a academia afirma que pacientes devem se fazer cinco perguntas ao buscar um tratamento:

  • Realmente preciso desse exame, tratamento ou procedimento?
  • Quais são os riscos ou efeitos negativos?
  • Quais são os possíveis efeitos colaterais?
  • Há opções mais simples e seguras?
  • O que acontecerá se eu não fizer nada?

Desta maneira, não só o diálogo entre médico e paciente será reforçado, como o tratamento do paciente poderá ser escolhido de acordo com as melhores opções tanto para o paciente, quanto para o sistema de saúde.

Para saber mais, acesse este artigo!

Compartilhe:

Buscar Artigo


Dr Igor Padovesi é formado e pós-graduado pela USP e atua nos melhores hospitais de SP. Sua equipe é especializada no atendimento e cirurgias de mulheres que moram fora de SP e no exterior.


Acompanhe-o nas redes:



MAIS ARTIGOS EM Gestação, Parto e Pós-Parto

+ Gestação, Parto e Pós-Parto
Libido baixa: por que não tenho mais interesse pelo sexo?

Libido baixa: por que não tenho mais interesse pelo sexo?

Muitas mulheres em algum momento da vida perdem o interesse pelo sexo. Isso pode impactar a vida emocional, social e conjugal do casal. Saiba mais sobre o assunto!

Saiba mais
Câncer de mama x obesidade: entenda o risco

Câncer de mama x obesidade: entenda o risco

Entenda mais sobre uma doença silenciosa que é um dos principais fatores de risco para se desenvolver o câncer de mama: a obesidade

Saiba mais
Por que fazer a ninfoplastia?

Por que fazer a ninfoplastia?

Seja por constrangimento, vergonha, incômodo ou dor, a ninfoplastia é a cirurgia estética de região íntima da mulher.

Saiba mais
Subir